quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Precificação do Artesanato


Quando comecei a vender meu artesanato, não tinha muita noção de precificação desse tipo de negócio, vendia apenas o preço que eu achava que valia a peça, e não levava em conta fatores como o tempo  para tecer a peça, a minha mão de obra, a compra dos materiais, o tempo e o valor gasto em deslocamentos até os armarinhos, o tempo utilizado com pesquisas de como fazer as peças. E logo percebi que isso não gerava lucro pra mim, e não pensar em todos os custos básicos do produto era uma grande erro.

O custo de cada peça que o artesão faz é variável, assim como o salário do artesão, caso não seja incluído no preço da peça a ser vendida.

Por esse motivo é importante especificar um valor para a sua hora de trabalho.
Ai nos questionamos, quanto eu quero ganhar por mês com as vendas do meu artesanato?

Vejamos um exemplo:

Suponhamos que você deseje ganhar R$1200,00 por mês com a venda de seus trabalhos, e você dispõem de 7 horas por dia com esse trabalho, e 5 dias da semana, com base em um mês que possui 4 semanas, vamos iniciar os cálculos:

7 horas por dia x 5 dia da semana = 35 horas (Logo você trabalha 35 horas por semana)
4 semanas do mês x 35 horas por semana = 140 horas (Logo você trabalha 140 horas por mês).

Agora para saber o valor da sua hora realize o seguinte cálculo:

R$ 1200,00 salário mês ÷ 140 horas mês = RS 8,57 (Dessa forma sua hora vale R$ 8,57)

Com essa informação em mãos, agora é hora de precificar o seu produto.

Exemplo:

Se para tecer um gorro, você precisou de 2 novelos de 40 gramas, e cada novelo custa R$4,00, seu gasto com o material foi de R$ 8,00.
E você levou cerca de 2 horas para tecer esse gorro, dessa forma calcule:

2hs (tempo gasto para tecer a peça) x R$8,57 (valor da sua hora) + R$ 8,00 (gasto com novelos) = R$25,14 valor do gorro.

Mas e o meu lucro Natalia?
Defina um percentual de lucro (20%, 30%, 40%)....
Suponhamos que você queira 40% de lucro com essa venda:

Se o valor do gorro foi de R$25,14, e você escolheu ter uma margem de lucro de 40%:

R$25,14 * 0,40 ÷ 100 = R$ 10,06 (de lucro)
Valor do produto: R$25,14 (custo do produto) + R$ 10,06 (margem de lucro) = 35,20

Logo para você atingir o valor de R$ 1200,00 de salário por mês, você terá que dividir o valor de R$1200,00 pelo valor de um gorro.

R$1200,00 ÷ R$ 35,20 = 35 (você terá que tecer 35 gorros por mês, aproximadamente 9 gorros por semana).

E é claro para atingir esse salário por mês, você terá que trabalhar a qualidade dos produtos utilizados para tecer a sua peça, um bom marketing, divulgação, bom relacionamento com o cliente, terá que agregar valor em sua peças para deixa-las mais atrativas ...(mas esse assunto será tratado em outro post).

E lembrando que não existe forma ideal ou correta de precificação, essa foi a forma que mais se encaixou no meu jeito de trabalhar, e recomenda-se que ela seja baseada em custo, e pesquisa de mercado, do tipo quais são os valores da concorrência, pesquisem os mesmos produtos que você vende em lojas de varejo, loja virtuais, Elo7.

E não desanime caso a concorrência consiga vender o mesmo produto por um preço inferior, levante questões como a utilização de matéria prima mais barata e precificação errada. Cada Artesão tem o seu diferencial, e cabe a você se diferenciar dos outros no mundo das vendas em artesanato!!

Textos que indico sobre o assunto, e que serviram de apoio para o meu:


Boas vendas para vocês!!
Duvidas?! Deixem seus comentários!!
Beijoss!!

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Vamos falar sobre o TEX?

Quando comecei no crochê a uns 17 anos atrás, algumas siglas e informações que vinham nas embalagens dos novelos não eram tão relevantes como são hoje.

Atualmente os novelos informam o tipo de agulha a ser utilizado para aquela linha, sua metragem ou gramatura e o seu TEX, a grande maioria dos novelos traz essas informações consigo, e muitas artesãs tem algumas dúvidas referente a isso, hoje vou explicar um pouco de cada dessas informações que contém o rótulo dos novelos.

As vezes faço uma peça, e alguns seguidores sempre me questionam o tipo de linha que usei, perguntam se com um outro fio obteria o mesmo resultado que o da minha peça.

Bom vamos lá....

Nas imagens abaixo vocês vão encontrar três tipos de novelos diferentes, cada qual com uma informação diferente...


A primeira sempre é referente ao peso do novelo e a metragem, no primeiro novelo da cor creme, temos só a informação da metragem que é de 460 metros, no fio mesclado já temos informação de seu peso e metragem (100gr e 200 metros), já no novelo da cor preta temos também somente a metragem de 125 metros, cada um deles é fabricado por uma empresa diferente.
A segunda informação é o tipo de agulha compatível para aquele fio.

E a terceira e última fala do TEX, que significa o peso do fio e não a sua espessura como muitos pensam, essa informação tem haver diretamente com a composição do fio, se ele é composto de viscose, algodão, acrílico, enfim um fio de algodão e de viscose podem aparentar a mesma espessura, porém o peso da viscose é maior que o do algodão, portanto o número do TEX da viscose é maior que o do algodão.

Entender esse tipo de informação, nos ajuda a fazermos comparação, substituições e combinações de fios. Mas atenção, só podemos comparar/substituir/combinar fios com a mesma composição, por exemplo: algodão com algodão, viscose com viscose, acrílico/acrílico e por aí vai.

Agora vou mostrar alguns exemplos de onde saber a utilidade do TEX.
Olha só, na primeira foto está o número do TEX do fio Esmeralda creme: 306 (85%algodão), na foto do lado está o TEX do fio Folia mesclado: 500 (100%Acrilico), e por último do fio Camila 145 (100% Algodão), cada um com um peso diferente e para trabalhos diferentes.

Então, se eu quero reproduzir um trabalho que foi feito com o fio esmeralda mas não tenho o fio, posso usar dois fios do Camila, porque 145 x 2 = 290 TEX, logo chega próximo ao resultado do Esmeralda de 306 TEX.

Entender essa informação sobre o TEX é super importante para substituir fios, caso você não os encontre, para se obter o mesmo resultado,

Espero que consigam entender...

Duvidas..deixem nos comentários.

Beijos e bom crochê para vocês!!!

terça-feira, 27 de setembro de 2016

Sejam Bem Vindas (os) ao meu Blog!!!

Olá!!
Sejam bem vindas (os) ao meu blog!

Pra quem ainda não me conhece meu nome é Natalia, sou proprietária da marca Natalia Melo Crochê, sou artesã de crochê, e apaixonada por essa arte que se populariza cada vez mais.

Comecei a fazer crochê aos 10 anos de idade, quando comecei frequentar as aulas de crochê, ministradas pelas Freiras do Instituto Ana de Moura, de lá pra cá sempre que dava saudades, lá ia eu procurar minhas agulhas e comprar linhas para crochetar.
Mas foi de uns tempos pra cá que trabalhar com o crochê virou uma profissão Hoje posso dizer que em toda peça que faço existe muito, mais muito amor envolvido!!!!! 

Nesse espaço vou compartilhar com vocês, um pouco do que eu sei sobre crochê, minhas peças, minhas idas aos armarinhos, meu cantinho de crochetar, e tudo o que envolve essa arte maravilhosa.